PARA ANUNCIAR CLIQUE AQUI | GRÁTIS :: PETS E SERVIÇOS

Por que devo ser a favor da castração?

Autor: Nathalia Perone
Categorizados em: Adulto Cachorros Comportamento FIlhote Gatos Quer mais 1 Saúde Tem pet
Por que devo ser a favor da castração?

Você conhece a importância da castração de cães e gatos? De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde), o Brasil possui hoje em média 30 milhões de animais abandonados nas ruas. Destes, 10 milhões são gatos e 20 milhões são cachorros. Esse número alarmante é consequência do índice incontrolado de procriação de animais. Os canis das ONGs superlotados já não comportam mais tanto pet.

A lei

Em março de 2017, foi sancionada a Lei nº 13. 426 com o intuito de controlar a natalidade de cães e gatos. Nela, foi estipulado que o programa terá responsabilidade em manter a integridade e bem estar do animal nos procedimentos. Bem como priorizar regiões onde há superpopulação de animais abandonados, epidemias de zoonoses e comunidades de baixa renda. O método mais utilizado hoje em dia é a castração. Pois, previne inúmeras doenças e traz maior qualidade de vida ao pet.

O que é a castração?

A castração é um método cirúrgico para cães e gatos que tem como objetivo prevenir a reprodução desenfreada.

No caso da fêmea, o procedimento consiste em extrair os ovários, útero e trompas. Já para nos  machos, são retirados os testículos. É aconselhável que os pets sejam castrados entre o sétimo e décimo mês de vida. Inclusive, fêmeas castradas antes do primeiro cio tendem a ter menos doenças. Nunca leve a cadelinha para castrar durante o período de cio, pois seus órgão reprodutores estarão mais sensíveis. 

Prevenção de doenças

Como se não bastasse o controle de natalidade, a castração previne inúmeras doenças que podem ser letais aos pets.

Para as fêmeas, extingue a probabilidade de cistos nos ovários, infecção uterina, e câncer de mamas e útero. Além disso, diminui o riscos de desencadear desequilíbrios hormonais, sangramentos excessivos em alguns casos de cio, bem como gravidez psicológica. Já nos machos, previne tumores nos testículos. E ainda pode aumentar a expectativa de vida dos pets em até 14%, principalmente para os machos.

Especificamente para os dos gatos, diminui os riscos de contágio do FIV (Vírus da Imunodeficiência Felina). A patologia é popularmente conhecida como Aids felina e apresenta os mesmos sintomas que ocorrem nos humanos.  

Mitos e verdades sobre a castração

Procedimentos pós-operatórios

A castração é um procedimento cirúrgico e, por isso, o pet precisará de uma atenção especial nas semanas depois de castrado.

Por isso, tente passar de 1 a 2 dias em casa para cuidar do pet. Pois, ele precisará ser observado. Até porque, a anestesia pode causar algumas mudanças comportamentais como moleza e atraso cognitivo.

Para a realização da cirurgia, estará em jejum, e após, aconselha-se que o alimento seja introduzido em pequenas quantidades nestes dias. Verifique se ele está comendo.

Além disso, veja algumas dicas de como cuidar do pet neste momento:

  • Evite esforços físicos com o animal na primeira semana.
  • Mantenha os gatos longe de lugares altos para evitar que eles pulem.
  • Cuide do local da incisão. Ele deve estar bem limpo e protegido com curativos  pra evitar que o animal mexa.
  • Utilize o colar Elizabetano se perceber que o amigão está mexendo na incisão. E, por mais que queira ceder e tirar, lembre-se que é para o bem do amigão.
  • Retorne ao veterinário assim após um mês de recuperação, ou se perceber que o pet está sentindo dor.

Castração Gratuita

Alguns municípios em todo o país fazem campanhas de castração anualmente.

A prefeitura da cidade de São Paulo, por exemplo, possui o Programa Permanente de Controle Reprodutivo de Cães e Gatos.  Através de parcerias com clínicas e hospitais veterinários e ONGs. Mas, para contemplar o benefício, é necessário comparecer na Divisão de Vigilância em Zoonoses (DVZ) e apresentar o documento de identificação de responsável (RG e CPF, ou  CNH), comprovante de endereço e carteira de vacinação do pet.

Veja aqui os postos de castração gratuita na cidade de São Paulo. Para outras cidades, procure informações em sua localidade.

Anticoncepcional para cachorros e gatos: evite-os!

Muitos tutores ficam com dó de levar o pet para castrar, e procuram alternativas não cirúrgicas para a contracepção. O fato é: estes medicamentos super carregados de hormônios podem ser muito prejudiciais ao seu bichinho. A castração é indolor e ainda previne muitas doenças. Tudo de bom, não é mesmo?

Você sabe se pets castrados precisam namorar? Leia nosso artigo

Veja nossos anúncios de Clínicas Veterinárias. 

Cadastrando o seu e-mail na nossa newsletter você recebe conteúdos exclusivos.

Por que devo ser a favor da castração?
autor

Nathalia Perone

Jornalista, apaixonada por animais. Mãe do terrível Nicolas (Nick para os mais íntimos), um poodle branco que é só amor. Em seu tempo livre, adora parques, uma boa conversa entre amigos e cantar no chuveiro.

Quer receber dicas animais?

Melhores amigos sabem tudo um do outro :-) Inscreva-se e receba notícias, dicas e promoções. A gente adora contar novidades!

Selecione abaixo como quer compartilhar este conteúdo
Fechar Um e-mail foi enviado para você redefinir sua senha