PARA ANUNCIAR CLIQUE AQUI | GRÁTIS :: PETS E SERVIÇOS

Gripe felina: tudo que você precisa saber

Autor: Nathalia Perone
Categorizados em: Adulto FIlhote Gatos Quer mais 1 Saúde Senior Tem pet
Gripe felina: tudo que você precisa saber

Com a chegada da frente fria, os gatinhos também podem ficar gripados. O vírus causador da gripe felina é diferente do Influenza, causador da doença em humanos. Por isso, ela não é uma zoonose. Entenda um pouco mais sobre essa doença e como trata-la.

Rinotraqueíte felina ou Gripe de gato

A rinotraqueíte felina, ou somente gripe do gato, é uma doença causada pelo vírus Herpesvírus felino do tipo 1 (FeHV-1). Essa infecção é altamente contagiosa entre os gatinhos e afeta principalmente o sistema respiratório do animal.

Apesar de parecer inofensiva, é importante tratar rapidamente a doença. Pois, como o sistema imunológico do animal encontra-se fragilizado, bactérias e outros agentes externos podem causar complicações.

Sintomas

Em um gato adulto saudável, o ciclo do vírus dura cerca de dez dias. Durante esse período, o animal pode apresentar sintomas muito parecidos com a gripe humana:

  • Congestionamento nasal;
  • Espirros e tosse;
  • Febre alta;
  • Irritação e inchaço nos olhos;
  • Dor no corpo;
  • Desânimo;
  • Perda de apetite.

Ao perceber os sintomas descritos, é importante procurar um veterinário de sua confiança para uma análise mais profunda, uma vez que esses sintomas são comuns para outras doenças felinas.

Tratamento

Não existe um medicamento para combater o vírus FeHV-1. Na verdade, durante o tratamento, o veterinário irá avaliar a melhor forma de amenizar os sintomas, que podem ser muito incômodos para o pet e, algumas vezes, são a porta de entrada para complicações, como é o caso da perda de apetite. A lavagem nasal e ocular com soro fisiológico também auxiliam no tratamento e prevenção de piora do quadro.

Os medicamentos para rinotraqueíte felina devem ser prescritos pelo veterinário, uma vez que cada animal possui uma dosagem específica das drogas, de acordo com o porte e peso e histórico de saúde.

Prevenção

A gripe felina é transmitida através do contato direto do animal com as secreções de um felino infectado, através do compartilhamento de objetos, como comedouros e bebedouros, durante as brincadeiras e até mesmo pelo ar.

Por isso, se você tem outros gatinhos na casa, o ideal é isolar o animal infectado enquanto houverem sintomas. É muito importante frisar que essa doença só atinge os gatos, então, se você tiver outras espécies em casa, não se preocupe com o convívio.

Tem vacina?

Sim! A partir da vacina V3, seu gatinho já está protegido da rinotraqueíte felina, panleucopenia e a calicivirose. Já a V4, além das doenças citadas, ainda previne clamidiose. Já a V5 previne também a leucemia, entretanto, é indicada apenas para animais com pré-disposição à doença.  Não deixe de manter a carteirinha de vacinação do seu pet em dia!

A gripe humana passa para gato?

Sabemos que a gripe felina não pode ser transmitida para o humano. Mas, e o inverso? Os gatinhos podem pegar a gripe humana? Na verdade, não. Essas doenças infecciosas são transmitidas por vírus distintos e não podem ser propagadas entre as espécies. Por isso, se o gatinho estiver doente, dê muito carinho e amor, sem preocupação de contágio. Da mesma forma, nada melhor do que o carinho do felino, durante aquela gripe chatinha, não é mesmo?

Atenção: lembramos que os sintomas de gripe em humanos são muito parecidos com os da infecção do Covid-19. Fique atento aos sintomas, procure um médico.

Saiba tudo sobre a asma felina. Leia nosso artigo!

Quer receber dicas animais?

Melhores amigos sabem tudo um do outro :-) Inscreva-se e receba notícias, dicas e promoções. A gente adora contar novidades!

Selecione abaixo como quer compartilhar este conteúdo
Fechar Um e-mail foi enviado para você redefinir sua senha