PARA ANUNCIAR CLIQUE AQUI | GRÁTIS :: PETS E SERVIÇOS

O perigo de se comprar “cachorros da moda”

Autor: Julia Freire
Categorizados em: Cachorros Comportamento Dicas FIlhote Lifestyle Quer mais 1 Raças Saúde
O perigo de se comprar “cachorros da moda”

Geralmente comprados por impulso, os cachorros da moda acabam abandonados

Ter cachorro é tudo de bom, a gente já sabe. Os bichinhos sempre fizeram parte da cultura pop, e nos últimos anos, do universo da internet também. Com isso, algumas raças viram cachorros da moda. Muitas pessoas compram bichinhos pensando apenas no fator fofura, sem imaginar o esforço requerido para cuidar deles, e por consequência, os gastos com esses animais.

Os Pugs e os Buldogues Franceses são mesmo uma graça e muito queridos tanto aqui no Brasil como lá fora, principalmente entre as celebridades. O problema é que essas raças são braquicefálicas, ou seja, possuem o focinho achatado. Isso significa que elas têm muita dificuldade para respirar. Esses problemas de saúde aconteceram pela intervenção humana. As raças passaram a ser criadas com o focinho cada vez mais curto, causando uma série de problemas de saúde. A dificuldade para respirar desencadeia outros problemas, como a obesidade, já que os bichinhos não conseguem fazer exercícios. Como na maioria das vezes os donos não podem arcar financeiramente com esses problemas, muitos cãezinhos são abandonados.

Em entrevista ao jornal britânico The Telegraph, Alice Christie, representante do abrigo para cachorros Battersea Dogs Home explica como é difícil a respiração para esses cachorros. “Nós dizemos às pessoas: imagine respirar por um canudinho”. E completa afirmando que na maioria das vezes, os pets são abandonados por problemas financeiros de seus tutores, e não por sofrerem maus tratos.

Os Huskies também sofrem

Pet Cachorro Huskysiberiano Olhos 372×374 Destaque Smartphone Unsplash 30000101Com a febre da série Game of Thrones, muitas pessoas se apaixonaram pelos lobos de Winterfell. O problema é que muitas delas levaram essa paixão ao extremo, comprando Huskies Siberianos e Malamutes-do-Alasca por puro modismo.

As duas raças precisam de muito exercício e odeiam ficar muito tempo sozinhas, por isso são pouco adequadas para quem mora em cidades grandes e tem vida corrida. De acordo com matéria do jornal americano San Francisco Chronicle, nos EUA o número de Huskies abandonados dobrou nos últimos três anos. Não à toa, a maioria com nomes dos animais da série. No mesmo período, o número de Huskies abandonados no Reino Unido aumentou 700%.

Para quem realmente quer ter um Husky, os especialistas alertam: essa raça pode ser temperamental e possui características muito peculiares. Se você não pode lidar com isso, não compre um bichinho (isso vale para todos os pets).

Queria ter um companheiro, mas é alérgico? Calma, tem solução! Confira nossas dicas. 

Quer receber dicas animais?

Melhores amigos sabem tudo um do outro :-) Inscreva-se e receba notícias, dicas e promoções. A gente adora contar novidades!

Selecione abaixo como quer compartilhar este conteúdo
Fechar Um e-mail foi enviado para você redefinir sua senha