PARA ANUNCIAR CLIQUE AQUI | GRÁTIS :: PETS E SERVIÇOS

Caixa de transporte: como escolher a ideal

Autor: Carolline Guarche
Categorizados em: Adulto Cachorros Dicas FIlhote Gatos Lifestyle Quer mais 1 Senior Tem pet
Caixa de transporte: como escolher a ideal

Quando precisamos viajar, logo surge a dúvida: Qual a caixa de transporte ideal para meu pet? Esse utensílio vai ajudar em todo o deslocamento e dar segurança na hora de transportar o seu pet. No Brasil, a caixa de transporte é importante não só em viagens, mas também no deslocamento do animal no carro. Portanto, escolher a caixa ideal é essencial para que tudo corra bem.

Para viagens na cabine do avião o ideal é que o material seja maleável e com fundo impermeável. Ela também precisa ser flexível e bem ventilada. Já no compartimento de cargas, o material deve ser mais resistente, para a segurança do animal. Ambas devem ter ventilação na parte superior, não podendo conter rodinhas. A porta deve ser em forma de grade e com trinca, o bebedouro e o comedouro devem ser fixados na grade.

A grande dúvida fica no tamanho da caixa de transporte e para comprar o tamanho ideal para o seu pet, deve-se avaliar alguns fatores.

Toda companhia aérea tem um tamanho padrão, verifique junto a sua.

Como escolher a caixa de transporte perfeita para o meu pet?

A caixa varia de acordo com o animal. Deve-se considerar o comprimento. Sendo medido do focinho até a base do rabo, a largura, no mínimo duas vezes a medida das costas do pet. Ele deve conseguir dar uma volta em torno de si mesmo e a altura, sendo 2 centímetros maior que a altura do animal em pé, com as quatro patas no chão.  Mas o ideal é que seu pet consiga se mexer dentro da caixa de transporte. Sem que sua cabeça bata no teto.

Leve o animal na hora de comprar, para ter certeza que a caixa está boa para o transporte. Para acostumar o pet a ficar lá dentro, coloque brinquedos até que ele se sinta mais tranquilo.

É de extrema importância que o material seja de qualidade, para que seu pet não se machuque durante a viagem. Caso a viagem seja mais curta, e se houver possibilidade, faça pausas a cada duas horas, para o animal não se cansar e poder esticar as pernas.

Cachorros e gatos de raças braquicefálicas conhecidos por terem o focinho achatado não são aconselhados a voar de avião, porque possuem uma fragilidade respiratória e pode sofrer de insuficiência respiratória durante o voo.

Confira aqui as especificações da LATAM e GOL.

 

Você pode optar por deixar seu pet em hotéis, já falamos disso, confira!

Cadastrando o seu E-mail na nossa newsletter você recebe conteúdos exclusivos!

— veja abaixo o resultado da busca ou refine sua pesquisa no painel esquerdo—

Filtrar
289 resultado(s)
90 resultado(s)

Qual dos FILTROS você quer usar?

Qual a faixa etária do pet?

Quer receber dicas animais?

Melhores amigos sabem tudo um do outro :-) Inscreva-se e receba notícias, dicas e promoções. A gente adora contar novidades!

Selecione abaixo como quer compartilhar este conteúdo
Fechar Um e-mail foi enviado para você redefinir sua senha