PARA ANUNCIAR CLIQUE AQUI | GRÁTIS :: PETS E SERVIÇOS

Saiba tudo sobre o gato Angorá Turco: do filhote ao idoso!

Autor: Carolline Guarche
Categorizados em: Curiosidades
Saiba tudo sobre o gato Angorá Turco: do filhote ao idoso!

O gato Angorá é uma raça muito inteligente e de fácil adaptação. Confira este guia com tudo sobre esse gatinho!

História da raça:

Uma das raças mais antigas, o Angorá Turco tem esse nome devido à sua cidade de origem, Ancara (antiga Angora), na Turquia. Durante séculos, esse gato atraiu tanto invasores quanto visitantes do país. É considerado o primeiro o gato de pelagem longa da história. Existe uma teoria que sugere que os Vikings trouxeram o Angorá da Turquia. Ele sempre fez muito sucesso na Europa, e tornou-se um símbolo de nobreza e elegância. Acreditava-se que ele trazia sorte.

O Angorá foi utilizado para originar outras raças de pelo longo, como o Persa. Posteriormente a um período de muita popularidade, o número de Angorás diminuiu. Eventualmente, o governo turco criou um programa de recuperação da raça. A maioria desses gatos foram adquiridos por criadores dos EUA. A partir de 1978, todos os Angorás passaram a ser registrados pela Cat Fanciers’ Association.

Saúde:

O Angorá é, em geral, bastante saudável. Entretanto, há algumas ocorrências de doenças relacionadas ao coração do felino. Além disso, gatos em geral já têm predisposição a problemas renais. Por isso, leve-o ao veterinário ao menos uma vez a cada seis meses e incentive-o a beber bastante água!

Pelagem:

Os pelos do Angorá são longos e muito macios nos troncos e mais curtos no focinho. O padrão da raça aceita as cores azul, preto, branco, bicolores e fêmeas tricolores. É necessário escovar os pelos diariamente para mantê-los saudáveis e evitar bolas de pelo.

Temperamento:

De personalidade equilibrada, ele adora brincar e subir em árvores. Ele é bem curioso e ama escalar os móveis. Essa personalidade ativa se estende por toda a sua vida. Ele sabe conviver com outros animais, mas sua personalidade assertiva costuma dominar o ambiente em casa. Também é um gato ótimo para crianças e muito apegado ao dono. Você pode ter certeza de que ele fará de tudo para chamar a sua atenção.

gato angorá

Cuidados 

O Angorá é uma raça que não exige tantos cuidados. Mas, por possuir pelos longos, é importante escová-lo semanalmente. Além disso, por ser um gato ativo, esteja sempre com brinquedos e arranhadores a disposição. 

Alimentação:

Os felinos são carnívoros, ou seja, precisam de carne em sua dieta. As rações vegetarianas sintetizam vários aminoácidos que são extraídos a partir de fontes de proteína. Por isso, esse tipo de alimentação não é indicado aos gatinhos. 

Como escolher a melhor ração:

Os cães e gatos precisam de uma quantidade de nutrientes específicos. Por isso, a melhor ração é a que supre todas as necessidades deles! Mas, consulte o seu veterinário, pois alguns bichinhos podem precisar de vitaminas a parte.

Nutrientes importantes:

Proteínas: são fornecidas através dos aminoácidos e tem um papel fundamental para o organismo.

Fibras: as fibras vem dos carboidratos não digeríveis. Elas ajudam no bom funcionamento do intestino, favorecendo a absorção de nutrientes.

Gorduras: as gorduras, nas quantidades adequadas, fazem bem para a saúde, além de serem fontes de energia, elas ajudam a absorver vitaminas e gerar os ácidos graxos necessários.

Minerais: são compostos inorgânicos que fazem parte dos dentinhos e ossos do animal. Além disso, também ajudam nos músculos, células sanguíneas e sistema nervoso.

Vitaminas: existem várias e cada uma tem sua função. Elas ajudam nas doenças e infecções, além de auxiliarem no crescimento, absorção de cálcio, visão e outros.

Os gatos precisam de alguns nutrientes mais específicos, como a taurina que atua nos olhos e no coração do felino.

Além disso, o fósforo, que ajuda nos ossos juntamente com o cálcio, farelo de peixe, extrato etéreo e a umidade! Leia mais sobre a ração do gato aqui!

Os filhotes precisam consumir de 20% a 30%. de proteínas para que tenham um crescimento sadio.

Forneça uma alimentação rica em nutrientes. Além disso, eles precisam ser alimentados em pequenas porções.

Evite oferecer alimentos humanos, pois eles trazem muitos malefícios.

Higiene:

Os banhos não precisam ser frequentes, com exceção de sujeiras mais grossas que podem acumular nos pelos. Diante disso, vá ao pet shop quando necessário.

Além disso, mantenha suas unhas cortadas, quinzenalmente. Observe sempre suas orelhas e canto dos olhos e mantenha-os limpos. 

Características físicas do gato Angorá Turco:

O gato Angorá possui a cabeça triangular e larga. O destaque fica em seu focinho que é largo e bem marcado. Além disso, suas orelhas são grandes e pontiagudas, assim, sua audição é excelente. O Angorá é considerado porte médio, e pode  chegar a 6 kg.

Fases da vida do gato Angorá Turco

O gato Angorá pode chegar aos 18 anos de idade.

Filhote

gato angorá filhote

O desmame deve acontecer após à 8º semana de seu nascimento. Pois, o leite materno é essencial para que o gatinho crie anticorpos e cresça saudável. Além disso, é importante que eles fiquem juntinhos, já que nessa fase eles não conseguem manter a temperatura do corpo estável. 

O Angorá deve começar a comer ração para filhotes  a partir da quarta semana, ainda na fase da amamentação. Além disso, gatos de raça provenientes de criadores sérios já vêm castrados, vacinados e vermifugados. Mas, se você adotou ou, por algum motivo, o gatinho não teve esses cuidados, é importante fazer isso logo quando bebê. 

Adulto

gato angorá adulto

O Angorá atinge a fase adulta aos 2 anos, o que significa que todo o seu corpo já foi desenvolvido. A partir dessa idade, o gatinho terá um comportamento mais estável. E, ao atingir o primeiro ano, já deve começar a comer ração para adulto.

Além disso, nessa idade, é importante acompanhar as campanhas de vacinação que acontecem periodicamente na sua cidade. Mantenha sempre uma frequência ao veterinário. 

Idoso 

gato angorá idoso

Com o avançar da idade, as funções cognitivas do animal podem começar a falhar, desenvolvendo dificuldades na locomoção. Por isso, o ideal é que ele coma a ração para idoso, pois, além de ser adaptada para o sistema digestivo do gatinho, ainda tem propriedades de ajudam o animal a passar por essa fase com maior tranquilidade. 

É muito importante que o animal continue sendo vacinado e as visitas ao veterinário devem ser mais frequentes.

Quanto custa um gato Angorá Turco 

O gato Angorá pode chegar ao valor de R$ 3.000,00. 

Curiosidades:

A raça é super ativa e brincalhona, por isso, sempre estará escalando por aí. Além disso, o Angorá é inteligente, e possui uma capacidade de aprender coisas novas com facilidade. 

Quer receber dicas animais?

Melhores amigos sabem tudo um do outro :-) Inscreva-se e receba notícias, dicas e promoções. A gente adora contar novidades!

Selecione abaixo como quer compartilhar este conteúdo
Fechar Um e-mail foi enviado para você redefinir sua senha