PARA ANUNCIAR CLIQUE AQUI | GRÁTIS :: PETS E SERVIÇOS

Porque o gato mia?

Autor: Carolline Guarche
Categorizados em: Adulto Comportamento FIlhote Gatos Senior Tem pet
Porque o gato mia?

O miado do gato é a forma como eles falam e chamam a nossa atenção. Na maioria das vezes, ouvir o nosso pet e tentar compreendê-lo pode ser importante para identificar uma doença, condição ou cuidados inadequados.

É importante conhecer o pet, pois o miado varia.

Miado de gato:

Existem, basicamente, três tipos diferentes de miado. E cada gato utilizada eles em diferentes momentos. Os felinos se adaptam à diferentes situações cotidianas na hora de se expressar.

CURTO E AGUDO:

Normalmente usado como um oi. Mas, se usado muitas vezes, pode ser considerado um sinal de felicidade. 

MIADO EM TOM MÉDIO:

Se for um som mas curto, provavelmente é fome. Mas, se for um chiado mais longo, ele pode estar pedindo para solucionar alguma necessidade, como estar sem água ou a caixa de areia suja.

LONGOS E GRAVES:

Os longos e graves podem indicar uma reclamação. Verifique sua posição corporal, pois isso pode definir se ele está agressivo.

Motivos:

CULPA DO TUTOR?

Muitas vezes a culpa também pode ser dos próprios tutores, que fazem com que os gatos miem excessivamente.

RECOMPENSA INADEQUADA:

Quando o felino começa a miar e você dá carinho ou comida, ele acaba assimilando o miado com uma recompensa.

MUDANÇA DE ROTINA:

Mudar de uma casa para outra, por exemplo, pode deixar o gatinho confuso no começo. Então tenha um pouco mais de paciência nesses casos.

ANSIEDADE:

Os felinos têm muita energia, principalmente se você não brinca com eles. Essa ansiedade vira miado. Por isso, brinque e gaste essa energia.

DIETA:

Se o felino precisar fazer uma dieta, ele ficará irritado e barulhento.

FILHOTES:

Os filhotes que são separados da mãe e dos irmão vão miar com frequência durante os primeiros dias. Desde o seu nascimento, o filhote de gato está habituado a miar quando é separado da mãe para que ela possa encontrá-lo rapidamente. Por melhor que seja a separação e o felino se desenvolva corretamente, o mais recomendável é que os gatos permaneçam com a sua mãe até atingirem os dois meses de vida.

ESTRESSE:

Da mesma forma que os cães emitem diferentes tipos de latido, os gatos também têm vários miados dependendo da causa. Um dos motivos do miado é o estresse. Para parar, a primeira coisa que deverá fazer é identificar a causa que lhe está provocando esse estresse.

POR ESTAREM SOZINHOS:

Para resolver isso, você pode deixar espaços para ele se movimentar, além disso, deixar brinquedos e um arranhador para que ele possa se divertir sem sua presença.

COMIDA:

O miado da fome é provavelmente um dos que os tutores conhecem bem!  

ATENÇÃO:

Muitas vezes o miado é apenas para chamar atenção.

QUER ENTRAR:

Quando o gato mia para porta ele provavelmente quer que você abra para ele poder circular sem barreiras.

DOR:

Se o seu gato começar a miar subitamente e sem parar, leve-o para o veterinário. O miado excessivo pode indicar que algo está errado, ainda mais se o comportamento é atípico.

CONVIVÊNCIA:

Os gatos podem miar quando encontram com você ou quando você chega em casa. É uma forma de dizer oi.

IDADE:

Quando os gatos ficam mais velhos, costumam miar sem motivo, emitindo um som grave e longo. Podem fazê-lo em qualquer espaço de casa e qualquer momento do dia.

CIO:

Quando as gatas estão no período do cio, elas emitem miados muito longos, agudos e altos para chamar a atenção dos machos para o acasalamento.

Já falamos sobre como tirar o cheiro de xixi do gato, Confira

Quer receber dicas animais?

Melhores amigos sabem tudo um do outro :-) Inscreva-se e receba notícias, dicas e promoções. A gente adora contar novidades!

Selecione abaixo como quer compartilhar este conteúdo
Fechar Um e-mail foi enviado para você redefinir sua senha