PARA ANUNCIAR CLIQUE AQUI | GRÁTIS :: PETS E SERVIÇOS

Cachorro triste? Entenda os motivos e como ajudar

Autor: Nathalia Perone
Categorizados em: Adulto Cachorros Comportamento Dicas FIlhote Saúde Senior
Cachorro triste? Entenda os motivos e como ajudar

Da mesma forma que nós ficamos tristes, os cães também ficam. Diversos fatores podem mudar o humor e até mesmo o comportamento do animal. Você sabe quais são?

O que deixa o cachorro triste?

Os cães são animais muito amorosos e atenciosos com sua família e esperam receber muito carinho e atenção. Quando eles ficam muito tempo sozinhos ou recebem pouca atenção de seu tutor, podem ficar muito deprimidos. 

Mudanças de casa, de família, a perda de outro bichinho e até mesmo de uma pessoa também fazem o animal se sentir triste. Além disso, o cachorrinho sente quando seu tutor não está feliz e pode influenciar totalmente em seu estado de espírito. 

Depressão Canina

Um cachorro que sofre de depressão canina não tem vontade de brincar, passear e até mesmo ficar na companhia do tutor e da família. É bem possível que o animal pare de comer e evite contato físico. 

Esses sinais são importantes porque comunicam o estado de ânimo do cão e servem de termômetro para a vitalidade e a saúde do peludo. Alguns outros comportamentos também podem ajudar a identificar a depressão canina, como fazer xixi e cocô em lugares não usuais ou começar a lamber ou roer  as próprias patas.

Entretanto, não é possível identificar a depressão canina sem uma investigação mais profunda do veterinário. Há grandes chances de que traços de personalidade do pet sejam confundidos com tristeza: alguns animais podem ser mais quietinhos por natureza e isso não significa que eles estejam tristes. 

Ansiedade da separação 

A ansiedade da separação é o estresse agudo que o cão sofre ao ficar longe do tutor. Isso pode fazer com que ele se torne uma máquina de destruição enquanto você está fora de casa e desenvolva um quadro grave de depressão. 

Como agir? 

Evite deixar o pet por longos períodos sozinho, principalmente sem alguma distração. Por isso, providencie brinquedinhos que possam o distraí-lo por longas horas. E sempre disponha um tempo do seu dia para dar uma atençãozinha especial para o peludo. 

Se perceber que não está adiantando, o ideal é levar ao cachorrinho ao veterinário

Floral para cachorro 

O floral pode ser uma alternativa natural e saudável de ajudar o cãozinho que tenha depressão e até mesmo ansiedade da separação. As essências florais vão interferir em padrões emocionais e estados psicológicos do animal. Procure um terapeuta floral para pets ou o veterinário com formação em terapia floral para avaliar o caso do seu bichinho. 

Conheça aqui algumas terapias alternativas para o seu cão!

Quer receber dicas animais?

Melhores amigos sabem tudo um do outro :-) Inscreva-se e receba notícias, dicas e promoções. A gente adora contar novidades!

Selecione abaixo como quer compartilhar este conteúdo
Fechar Um e-mail foi enviado para você redefinir sua senha